EM BREVE!

EM BREVE!
AGUARDEM!

segunda-feira, agosto 29, 2016

ELEIÇÕES 2016- PREFEITURAS SERÃO FISCALIZADAS PELA JUSTIÇA ELEITORAL.


A Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE/BA) recomendou, sexta-feira, 26 de agosto, aos dirigentes de órgãos públicos que não pratiquem ou permitam atos de campanha eleitoral em suas repartições. De acordo com a recomendação, os representantes legais dos órgãos devem adotar medidas a fim de coibir o uso das instalações públicas para atos de campanha eleitoral por candidatos, inclusive aqueles que são funcionários públicos. Recomendou-se também que as autoridades não autorizem a realização de qualquer ato similar, de natureza coletiva, por parte de servidores públicos.

O procurador Regional Eleitoral na Bahia, Ruy Mello, e o procurador Regional Eleitoral substituto, Cláudio Gusmão, apontam que as medidas estão fundamentadas nos artigos 37 e 73 da Lei nº 9.504/97 (Lei das Eleicoes) e visam a garantir a igualdade de oportunidades entre candidatos. Em caso de descumprimento, a mesma lei prevê aplicação de multas, que podem variar entre R$ 2.000,00 a R$ 106.410,00, além da cassação do registro ou do diploma do candidato beneficiado, a depender da situação. As condutas irregulares serão comunicadas ao Ministério Público Eleitoral, que adotará as medidas cabíveis para apuração dos fatos e punição dos envolvidos.


Ascom/Ministério Público Federal na Bahia/Geraldo Jose

JULGAMENTO DE DILMA ROUSSEFF CONTINUA NA SEGUNDA-FEIRA COM DEPOIMENTO DA PRESIDENTE AFASTADA


Com o fim dos depoimentos das oito testemunhas apresentadas pela acusação e pela defesa, os senadores completaram, neste sábado (27), a primeira fase da sessão de julgamento da presidente afastada, Dilma Rousseff, por crime de responsabilidade. Na segunda-feira (29), às 9h, deve ter início um dos momentos mais importantes do julgamento: o comparecimento de Dilma ao Senado para falar pessoalmente aos senadores. Essa será a primeira vez que a presidente afastada se manifestará no processo de impeachment. Até agora, a defesa tem sido conduzida por seu advogado e ex-ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.


Dilma terá 30 minutos — prorrogáveis a critério do presidente da sessão, Ricardo Lewandowski — para apresentar seus argumentos aos senadores, que poderão questioná-la por cinco minutos cada um. A presidente afastada, entretanto, pode, a seu critério, responder ou não as perguntas. Para acompanhá-la neste momento, além de Cardozo, Dilma convidou ex-ministros, assessores e aliados do Partido dos Trabalhadores, entre eles o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Seus convidados serão acomodados numa das duas galerias laterais do Plenário.

Agencia Senado/Blog Geraldo Jose

QUE LOUCURA!'FAZ MUITO SEXO AQUI', ACONSELHA PAES A BENEFICIÁRIA EM ENTREGA DE MORADIAS POPULARES

'Faz muito sexo aqui', aconselha Paes a beneficiária em entrega de moradias populares

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, aparece em um vídeo na internet mandando uma moradora "trepar muito" durante a entrega de moradias populares pela Prefeitura do Rio. O vídeo viralizou nas redes sociais e causou polêmica entre internautas. A entrega do imóvel a uma mulher chamada Rita foi conduzida pelo prefeito ao lado do candidato do PMDB à sucessão da prefeitura do Rio, o deputado federal Pedro Paulo. O candidato é ex-secretário executivo da Coordenação do governo Paes. Pelas imagens não é possível saber o local e a data do evento. No vídeo, a mulher comemora após receber as chaves do prefeito. Paes entra no imóvel e dispara: "vai trepar muito nesse quartinho", dirigindo-se à nova moradora. Em seguida, Paes pergunta a Rita se ela é casada, e prossegue com as piadinhas. "Vai trazer muitos namorados pra cá. Rita, faz muito sexo aqui, Rita", aconselha o prefeito. Ao deixarem o apartamento, ainda sob as câmeras, Paes se dirige à pequena multidão lá fora, abraçado a Rita: "Ela disse que vai fazer muito canguru perneta aqui. Tá liberado. A senha primeiro...". No que a moradora responde: "Vou fechar a minha porta". Ao fim da gravação, Paes ordena ao cinegrafista: "Corta, hein", referindo-se às piadas com a moradora. Internautas criticaram a conduta de Eduardo Paes na página oficial do prefeito no Facebook. Procurada pela reportagem, a assessoria do prefeito informou que não comentaria o assunto.

Bocão News

quarta-feira, agosto 24, 2016

ALELUIA PARTICIPA DE REUNIÃO QUE GARANTE RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS DE AGRICULTORES

Aleluia participa de reunião que garante renegociação de dívidas de agricultores

O deputado federal josé carlos aleluia (dem-ba) participou de reunião nesta quarta-feira (23), em brasília, com o ministro da agricultura, blairo maggi, para discutir a renegociação de dívidas de agricultores baianos que foram afetados pela estiagem prolongada. a prorrogação do prazo de vencimento das parcelas de crédito rural vencidas, ou que vencerão ainda este ano, foi garantida pelo ministro no encontro e valerá para produtores de outros estados. “fizemos essa ponte entre o produtor e o governo para evitar um colapso social no campo”, afirma aleluia, que aponta como as regiões mais prejudicadas o oeste, nordeste e sul do estado. “produtores de soja, milho e algodão estavam sob o risco de não conseguir crédito para o plano safra 2016/17”, alerta. segundo o parlamentar, as chamadas “novas fronteiras”, regiões de expansão agrícola no estado, também têm sofrido com a estiagem. “em razão disso, além dos compromissos financeiros relacionados ao custeio da lavoura, os produtores também enfrentam dificuldades em amortizar as parcelas de investimentos, relativamente elevadas, dada a necessidade de adequação de sua infraestrutura produtiva”. na produção de algodão, a perda foi de 30%; na cultura da soja, 23%. o ministro blairo maggi já encaminhou o processo ao ministério da fazenda, para a convocação de uma reunião extraordinária do conselho monetário nacional (cmn) para liberar a medida. a partir da aprovação, o banco do brasil e o banco do nordeste renegociarão com os agricultores a prorrogação de prazo ou liquidação das dívidas com desconto referentes aos financiamentos contraídos principalmente na safra 2015/16, encerrada em junho.

BN

PREFEITURA NECESSIDADE DE UMA 'OPERAÇÃO LAVA JATO', DIZ EX-VEREADOR

Sede da Prefeitura de Santa Brígida - BA

O município de Santa Brígida está fadado e predestinado a viver sofrendo sucessivos desmandos, desvios de recursos públicos é a palavra de ordem, ocorre que nunca foi tão aviltante, como está sendo na gestão do prefeito Gordo de Raimundo, estabelecendo a corrupção como sua instituição mais forte, dentre as existentes, ditando a ordem dentro de um estado de desordens.

O que é assustador, indigno, injusto e profundamente desrespeitoso, é quando podemos constatar que essas subtrações estão ocorrendo fortemente na área da saúde pública local, senão vejamos:

Acredito que por eu ter sido vereador no inicio da década de 1990, muito combatente, porque naquela oportunidade, encabecei um processo de impeachment, contra o prefeito, que foi afastado por 05 meses, tendo sido reintegrado ao cargo, e posteriormente afastado definitivamente pela câmara local, pela minha linha de fiscalizar e denunciar desmandos, pois essa é a premissa essencial do vereador, tão desvirtuada pela grande maioria dos Edis, que acham que ser vereador, é tentar suprir as brechas deixada pelo Poder Executivo, no que diz respeito ao assistencialismo desenfreado tão bem recebido pelo censo comum das multidões, que almejam justiça, mas ao mesmo tempo lincha e escalpela, fruto da pior doença que assola a humanidade, a ignorância.

Tem sido uma rotina as pessoas me procurarem para reclamarem sobre a decadência no atendimento básico na área de saúde em Santa Brígida, tais como: “estive no posto para fazer um curativo, mas tive que ir na farmácia comprar água oxigenada e álcool, pois lá não tinha”, uma outra mãe de família ressalta, “fui medir a temperatura do meu bebê e não tinha termômetro”, o Sr. Neguinho, que tem problemas renais, fortes cólicas, precisou ir posto de saúde principal, e pasmem, mandaram ele ir na farmácia comprar buscopam composto, pois não existia esse medicamento no posto, o Senhor Adelmo, da comunidade de Riacho Fundo, foi ao posto de saúde do povoado Marancó com uma terrível dor de dente, precisava extraí-lo urgentemente, tudo bem, tinha o dentista, mas não tinha a anestesia, tendo o dentista dito “que só tinha água”. Os médicos do Pronto Socorro de Paulo Afonso, perguntam aos pacientes que lá chegam pra fazer um simples atendimento, se o município não tem médico nem prefeito.

De fato, é estarrecedor, pois o município não tem hospital, como também não dispõe de médico plantonista, e uma das primeiras ações do prefeito, logo que assumiu, foi fechar definitivamente a única maternidade do município.

Diante dessas informações, inconformado fui a campo fiscalizar, e pasmem, descobri que em 12/03/2015, o prefeito Gordo de Raimundo, assinou o Contrato de nº 167/15, Processo Administrativo nº 0111/2015, Pregão Presencial nº 031/15, para suposta aquisição de Material Hospitalar, para atender no Posto de Saúde da Sede I e II, Minuim, Marancó, Colônia e Samu, tendo como contratada a empresa Depósito Geral de Suprimentos Hospitalares Ltda-EPP pelo preço global de R$ 449.973,19 (quatrocentos e quarenta e nove mil novecentos e setenta e três reais e dezenove centavos).

Como se esse contrato já não fosse uma afronta a lógica, o pior vem a seguir: Contrato nº 268/15, Processo Administrativo nº 990/2015, Pregão Presencial nº 057/15, para supostas aquisições de Medicamentos para atender a farmácia básica e as unidades de saúde do município, observem que é com a mesma empresa do contrato anterior, Contratada: Depósito Geral de Suprimentos Hospitalares Ltda- EPP, preço global R$ 519.232,30 (quinhentos e dezenove mil, duzentos e trinta e dois reais e trinta centavos). Totalizando o valor de R$ 969.205,49 (Novecentos e sessenta e nove mil, duzentos e cinco reais e quarenta e nove centavos).

Deixo bem claro que não estou colocando aqui, vários outros contratos com valores até cem mil reais, com o mesmo objeto, onde essa monta irá para mais de 1 milhão de reais.

O contrato mais recente data de 15/06/2016 – Contrato nº 118/16, Processo Administrativo nº 345/2016, Pregão Presencial nº 052/16 , Objeto: Aquisição de materiais e equipamentos hospitalares, para suprir as necessidades dos atendimentos aos munícipes, nas unidades de saúde da família sede I, sede II, Minuim, Marancó, Colonia e Centro de Saude, Contratada: DM – DISTRIBUIDORA DE MEDICAMENTOS E EQUIPAMENTOS HOSPITALARES LTDA-EPP, pelo preço global de R$ 590.433,62 (Quinhentos e noventa mil, quatrocentos e trinta e três reais e sessenta e dois centavos), todas informações podem ser confrontadas no site www.santabrigida.ba.gov.br .

Pelo exposto está patente, guardadas as devidas proporções, a necessidade de uma “Operação Lava Jato” na prefeitura de Santa Brígida, só que na original os recursos eram desviados da maior empresa do país, no caso a Petrobras, o que não justifica, aqui o pupilo do PT, Gordo de Raimundo, aprendeu muito bem as lições de se locupletar tão bem ensinadas pelo PT – 13, só que aqui tem um agravante por se tratar de município pobre, e os desvios nascem de rubricas destinadas a saúde, portanto necessárias para cuidar do nosso bem maior, que nesse caso, não é a liberdade, e sim a vida. Carece probidade, ser justo, virtude e governar com equidade, proporcionando oportunidade iguais para todos, características que faltam a esse governante.

Representações/denuncias serão destinadas aos órgãos de fiscalização e controle externo, tais com: MPE, MPF, TCU, TCM e PF.

Deve-se chamar ao feito o Conselho Municipal de Saúde, que aprova essas contas, sem, contudo analisá-las com imparcialidade.

Na próxima matéria trataremos de um contrato com um advogado que recebe da prefeitura R$ 40.000,00 (quarenta mil reais) por mês.


Encerro recorrendo aos filósofos Simônides, Polemarco e Sócrates, que conceituaram a Justiça de forma bem simples "Dar a cada um o que é seu”.

Ozildo Alves

MP APREENDE CESTAS BÁSICAS 'SUSPEITAS' DE DISTRIBUIÇÃO ILEGAL EM DEPÓSITO DA PREFEITURA



A chegada dos promotores públicos Leonardo Bitencurt e Luciana Kouri, ao depósito da Prefeitura Municipal de Paulo Afonso, localizado ao lado da Câmara Municipal, para ser mais preciso, do estacionamento, se deu por volta das 17h desta terça-feira (23).

A ação dos promotores, com vista a averiguar as denúncias de que cestas básicas estariam sendo distribuídas de forma ilegal, para irrigar a campanha do candidato Luiz de Deus (PSD), amarrando eleitores e assegurando votos, não é, justiça seja feita, novidade em época de campanha. Há de se destacar com ênfase, no entanto, a postura dos promotores.


Sem abusos, mas firmes, deixaram claro que se tratava de uma apuração, mas que de imediato fariam a apreensão, tudo com absoluta transparência, deixando a imprensa acompanhar os diálogos entre os representantes da prefeitura e exigindo para outros casos uma postura adequada do governo municipal. Isto é preciso apresentar como inédito.


“Nós recebemos a denúncia de que estava acontecendo a distribuição de cestas básicas e viemos apurar. Encontramos de fato no município um depósito com cestas básicas, entretanto, não identificamos o recebimento imediato de ninguém, não flagramos nenhuma distribuição”, informou Luciana Kouri, Promotora Regional Eleitoral, com exclusividade ao repórter Carlos Alexandre.


“Estamos apurando se esta distribuição faz parte de um programa social, com pessoas cadastradas, que é a alegação do município, de nutrizes, que recebem de forma regular o atendimento dessas cestas básicas, e nós vamos apurar. No momento vamos apreender o material todo”, completou Luciana.

Estavam presentes à apreensão: Dr. Montalvão (advogado), Alexei Vinícius (Secretário de Saúde), Prof. Silva (Secretário de Educação) e Júnior Bezota (chefe de gabinete do prefeito Anilton Bastos [PDT] e coordenador da campanha de Luiz de Deus), policiais militares e imprensa.

“Caso seja configurado, o programa continuado não haverá ilícito, porém, se não estiver devidamente configurado nós teremos a caracterização de um ilícito que pode caracterizar abuso de poder econômico, condutas vedadas que na área eleitoral terão repercussões”, concluiu Luciana.

Este dia é especial, não porque se trata do governo Anilton Bastos, qualquer que seja, precisa entender que a democracia é regida por regras que servem para todos. A promotoria adiantou uma série de medidas que serão tomadas no decorrer da semana, para “enquadrar” candidatos que acham que o povo dorme, porém, hoje já demonstraram de forma satisfatória que estão bem acordados e de olhos bem abertos, e o bom é que vale para todos.



Site Ozildo Alves

terça-feira, agosto 23, 2016

ELEIÇÕES 2016- COLIGAÇÕES DE CHORROCHÓ-BA MARCAM INAUGURAÇÕES DE COMITÊS

 A coligação “CHORROCHO MERECE RESPEITO” convida toda população para grande inauguração de seus respectivos comitês na sede do município Chorrochó, e no distrito de Barra do Tarrachil.

CHORROCHÓ-DIA 24/08/2016 

BARRA DO TARRACHIL- 25/08


 A coligação “UNIDOS PRA FAZER MUITO MAIS” convida toda população para grande inauguração do comitê no distrito de Barra do Tarrachil.

BARRA DO TARRACHIL- 28/08/2016


CURAÇÁ: OPERAÇÃO CONJUNTA DESTRÓI MIL PÉS DE MACONHA

Curaçá: Operação conjunta destrói mil pés de maconha

Uma operação realizada pela Polícia Militar da Bahia (PM-BA), Polícia Federal e Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) destruiu 1.000 pés de maconha em Ilha Redonda, localidade próxima ao município de Curaçá, Sertão do São Francisco, na madrugada do último domingo (21). De acordo com informações do departamento de comunicação da PM-BA, também foram apreendidos 260Kg da droga pronta para o consumo, um quilo de sementes de maconha, uma espingarda calibre 32 e uma pistola calibre 40 com um carregador e três cartuchos. Além do material interceptado, quatro pessoas foram presas e encaminhadas para a delegacia da Polícia Federal, em Juazeiro.
B.N.

ELEIÇOES 2016-NETO PODE GANHAR NO PRIMEIRO TURNO

Neto poderá ganhar no primeiro turno

As emissoras afiliadas da Rede Globo lançaram no início da noite desta segunda-feira (23) pesquisas, as primeiras, sobre as eleições municipais de norte a sul. Chamou atenção o desempenho de ACM Neto (DEM), em Salvador, ao disparar com 68% contra menos de 8% dos demais candidatos. Dois deles não pontuaram, entre os quais a vice-prefeita, Célia Sacramento (PPL). O curioso é que Célia anda em litígio com o prefeito e andou a dizer na mídia que ele tinha superfaturado obras, citando as revitalizações da Barra e do Rio Vermelho, levando Neto a responder que irá processá-la. Mais curioso ainda é que ela só se manifestou sobre este assunto há poucos dias, quando o prefeito decidiu sobre quem seria o seu vice e a deixou de fora. Necessitava contemplar o PMDB, levando-o a escolher Bruno Reis, que fora um dos seus secretários na administração. Não se trata, como se vê, de uma guerra para se levar em consideração. Se assim o fosse Célia deveria fazer a sua denúncia enquanto estava ao lado de Neto, e não após perder a condição de continuar no posto para uma reeleição em dobradinha. Já em relação aos demais candidatos à prefeitura, imaginava-se que a candidata do PCdoB, Alice Portugal, tivesse melhor desempenho na pesquisa, assim como o Sargento Isidório, do PDT.

A primeira citada, Alice, estabeleceu um quase confronto com a senadora Lídice da Mata, do PSB, ex-prefeita de Salvador. Lídice preferiu ficar de fora porque os dois partidos são aliados. Já Isidório foi o primeiro candidato que se lançou à prefeitura da cidade e dele esperava-se mais. É possível que durante a campanha eleitoral ele consiga passar à frente. O grande fato das pesquisas comandadas pelas emissoras afiliadas da Rede Globo é que, embora ainda não se possa determinar, existe a possibilidade de ACM Neto ganhar em primeiro turno. A campanha será curta. Teremos à frente apenas 40 dias até o seu final.

BN

segunda-feira, agosto 22, 2016

CONFIAR EM QUEM NESSE PAIS? SE ATE A JUSTIÇA ESTA SENDO CITADA EM CORRUPÇÃO.


O ministro do Supremo Tribunal Federal , Dias Toffoli, é um dos citados na proposta de delação premiada do empreiteiro José Adelmário Pinheiro Filho, o Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS. Segundo informações da revista Veja, Pinheiro cita em depoimento uma reunião que teve com o ministro. Eles já se conheciam, mas não teriam intimidade. Em certo momento da conversa, Dias Toffoli achou informou que estava com problemas de infiltração e na estrutura de alvenaria em sua casa, em um bairro nobre de Brasília. O empreiteiro então enviou à casa de Toffoli, dias depois, uma equipe de engenheiros, que verificaram falhas na impermeabilização da casa e sugeriram uma sugestão. Pinheiro indicou uma empresa para realizar o serviço, relatado como caro e complicado, e enviou sua equipe de engenheiros para realizar uma nova vistoria para certificar o trabalho. De acordo com o empreiteiro, o serviço foi integralmente pago pelo ministro – a proposta ainda não informa onde e quando foi a reunião, já que os detalhes só serão fornecidos caso delação seja aceita. No entanto, a força-tarefa da Lava Jato encontrou indícios, em mensagens de celular, de que Pinheiro e Dias Toffoli tinham uma relação de “proximidade”, como classificam os agentes da Polícia Federal. As mensagens mencionam visitas ao ministro, presentes de aniversário, festa em sua homenagem e alguns negócios.



Não há mensagens diretas entre os dois, mas informações passadas por Pinheiro a outros interlocutores. Em 2012, um alto funcionário da OAS Defesa, José Lunguinho Filho, envia uma mensagem. “Aniversário do Toffoli dia 15. Gosta de um bom whisky”. Na resposta, o empreiteiro pede: “Fale-me cedo do presente de Toffoli”. Outra mensagem, também em 2012, indica que ele foi à casa do ministro: Barreto avisa que o senhor leva em torno de 20 a 25 minutos para chegar na residência do Dr. Toffoli. Em 2014, nova conversa sobre o aniversário do magistrado, dessa vez entre Pinheiro e o ministro do Superior Tribunal de Justiça, Benedito Gonçalves. “Você vai ao aniversário do min Toffoli no domingo?”, pergunta o empreiteiro. Outros diálogos dizem respeito aos interesses da empresa. “Vou precisar de material para a AGU”, diz Pinheiro em 2013, questionando a um subordinado, Gustavo Rocha, se já viu outra mensagem sobre o ministro. Antes de chegar ao STF, Toffoli havia comandado a Advocacia-Geral da União (AGU). Já Gustavo Rocha era responsável pelo consórcio Invepar, concessionária do Aeroporto de Guarulhos. Também em 2013, o empreiteiro afirma a um interlocutor que trataria com o ministro sobre o “assunto dos aviões”. “O ministro marcou comigo terça, às 11:30 em Brasília x assunto dos aviões”, diz a mensagem.

Bahia Noticias