sexta-feira, abril 20, 2018

ALÉM DE GEDDEL, FACHIN TAMBÉM LIBERA PARA JULGAMENTO DENÚNCIA CONTRA LÚCIO VIEIRA LIMA

[Além de Geddel, Fachin também libera para julgamento denúncia contra Lúcio Vieira Lima]

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou para julgamento a denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da República contra o deputado federal Lucio Vieira Lima (MDB-BA), além do seu irmão Geddel preso desde setembro do ano passado.

A denúncia se refere ao caso dos R$ 51 milhões em dinheiro vivo atribuídos a Geddel, pela Polícia Federal (PF), encontrados em malas em um apartamento em Salvador.

A PGR também denunciou a a mãe deles, Marluce Vieira Lima; o ex-assessor Job Ribeiro, que trabalhava com Lúcio Vieira Lima; o ex-diretor da Defesa Civil de Salvador Gustavo Ferraz; o sócio da empresa Cosbat Luiz Fernando Costa Filho.

Com a liberação da denúncia, o caso deverá ser julgado pelos ministros da Segunda Turma do STF, composta, além de Fachin, pelos ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Celso de Mello.


Ainda não há data marcada para o julgamento. Caso a denúncia seja aceita, os acusados passarão à condição de réus em ação penal no Supremo.

Bocão News.

segunda-feira, abril 09, 2018

FORMOSA EM FESTA! PEGA DE PORCO NO MATO E MUITO MAIS!


NO DIA 22 DE ABRIL O POVOADO DE FORMOSA(MACURURE-BA), ESTARÁ EM FESTA! COM A TRADICIONAL PEGA DE PORCO TORNEIO DE FUTEBOL E MUITO MAIS!

VOCÊ É NOSSO CONVIDADO ESPECIAL! 

VENHA E TRAGA SUA FAMÍLIA!

sábado, abril 07, 2018

TA CHEGANDO A HORA VAQUEIRO!

Resultado de imagem para VAQUEJADA DERRUBA DE BOI


DIAS 28 E 29 DE ABRIL 2018.  2º BOLÃO DE VAQUEJADA DO PARQUE MARIA BELA, NO SITIO DOS LOURENÇO EM CHORROCHO-BA.




PREMIAÇÃO PARA OS PROFISSIONAIS: UMA MOTO BROS(2010).
+ 2 MIL REAIS E TROFÉUS.

Imagem relacionada
IMAGEM ILUSTRATIVA


*AMADOR 50% DO BOLÃO



BRASIL VEI SEM JEITO-DONO DE HELICÓPTERO PEGO COM COCAÍNA VIRA DIRETOR DA CBF (CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL)

Em nota, a CBF disse que a escolha de Gustavo se deu pela sua experiência na condução de programas de desenvolvimento do esporte, mais especificamente o futebol

Ex-secretário nacional de futebol, Gustavo Perrella, 34, foi nomeado diretor da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Filho do senador Zezé Perrella (MDB-MG), ex-presidente do Cruzeiro, ele ocupa agora o cargo de diretor de Desenvolvimento e Projetos da entidade nacional.

O dirigente tomou posse na confederação há cerca de três meses, após deixar o cargo que ocupava no governo do presidente Michel Temer.
O ex-deputado estadual ficou conhecido nacionalmente em 2013, quando a Polícia Federal apreendeu um helicóptero de sua empresa com um total de 445 kg de cocaína, no Espírito Santo.

Ele e seu pai foram investigados na ocasião, mas não foram encontrados indícios de autoria criminal dos dois no caso. Por isso, eles não responderam judicialmente.
A nomeação de Gustavo foi feita sem divulgação. A CBF só colocou no seu site o nome do novo dirigente entre os seus diretores na noite desta quarta-feira (4), horas depois de a Folha confirmar a contratação e questionar a ausência do cartola na relação.
Em nota, a CBF disse que a escolha de Gustavo se deu pela sua experiência na condução de programas de desenvolvimento do esporte, mais especificamente o futebol.

A entidade afirmou que o dirigente liderou muitos projetos durante seu período no Ministério do Esporte e também destacou seu trabalho como conselheiro vitalício do Cruzeiro, onde exerceu vários cargos nos departamentos de gestão e de futebol.
Na teoria, o novo diretor seria o elo de ligação entre a entidade e os presidentes das federações estaduais.

Desde a última quarta-feira (4) a reportagem tenta entrar em contato com Gustavo, mas não obteve resposta até a conclusão desta edição.
Ele não cumpre expediente na sede da entidade. Outros diretores também não têm a necessidade de trabalhar diariamente no prédio, localizado na barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

A diretoria da CBF conta também com presidentes de federações e outros políticos.
Em 2016, o pai de Gustavo foi um principais articuladores políticos para que a CPI do Futebol do Senado encerrasse suas atividades sem nenhum pedido oficial de indiciamento e sem apontar culpados. A comissão investigava contratos e negociações da CBF e seus dirigentes.

O trabalho teve início após José Maria Marin, ex-presidente da entidade, ser preso na Suíça. Marin, Marco Del Nero e Ricardo Teixeira, que dirigiu a CBF por mais de duas décadas, foram acusados de receber propina na venda de direitos de transmissão.
Último presidente eleito da CBF, Del Nero está suspenso pela Fifa. Ele deve ser banido do esporte neste mês por causa das acusações do FBI.

Apesar de ter sido escolhido por Del Nero, Gustavo deverá ser mantido na nova diretoria de Rogério Caboclo, que assumirá a confederação a partir de abril de 2019.
No próximo dia 17, os presidentes de federações e os clubes das Séries A e B do Brasileiro vão eleger o próximo presidente da entidade. Homem de confiança de Del Nero, Caboclo é o candidato único. Diretor Executivo de Gestão da confederação, ele tem o apoio de 27 federações e da maioria dos clubes.
Formado em administração de empresa, Gustavo foi eleito em 2010 deputado estadual em Minas Gerais, com 82.864 votos. Quatro anos depois, ele se candidatou a deputado federal pelo mesmo estado, mas não se elegeu.

RÉU
Gustavo é réu em dois processos na Justiça -um por uso de dinheiro público para fins pessoais e outro pela criação de um cargo fantasma. As ações correm ainda na primeira instância do Tribunal de Justiça de Minas Gerais.
Segundo a primeira acusação, o diretor da CBF seria responsável por desvios de cerca de R$ 15 mil dos cofres públicos para abastecer o helicóptero da empresa da sua família com verba indenizatória da Assembleia durante o seu mandato de deputado.
Ele também é acusado de criar um cargo fantasma para o piloto preso na operação da Polícia Federal em 2013.

Em depoimento a promotores, Rogério Antunes disse que nunca prestou serviço para a Assembleia de Minas Gerais e que sua função era pilotar o helicóptero em viagens até a praia, chácaras de amigos, fazenda da família e compromissos políticos.

Antunes foi nomeado em março de 2013 e só foi exonerado em 25 de novembro de 2013, um dia depois da apreensão da aeronave pela PF. (Folhapress,Beira Rio Noticias)

quinta-feira, março 29, 2018

ROUBO DE CELULARES REDUZ EM BELÉM DO SÃO FRANCISCO-PE, DEPOIS DO APLICATIVO "ALERTA CELULAR"

Resultado de imagem para programa alerta celular

Resultado de imagem para programa alerta celular

Lançado em março de 2017, o programa Alerta Celular, que cadastra celulares em Pernambuco para facilitar a localização dos donos em possíveis casos de roubo, possibilitou que cerca de 800 vítimas desse tipo de roubo no estado recebessem os aparelhos de volta. Isso representa 58% dos 1.372 celulares recuperados após a atuação da polícia nesse período de quase um ano. (Veja vídeo acima)

A recuperação dos celulares acontece após a conferência do Imei, sigla em inglês para Identificação Internacional de Equipamento Móvel. O número é encontrado no interior do aparelho ou digitando o código *#06#. Para a polícia, o Imei é o dado mais importante dentro do Alerta Celular, mas também é necessário informar CPF do dono do dispositivo, e-mail e um telefone de contato.

Resultado de imagem para programa alerta celular

Em quase um ano de funcionamento, 120 mil pessoas foram cadastradas, como é o caso da artesã Hosana Barbosa de Oliveira, que foi vítima de um assalto e teve o celular recuperado após o cadastro no programa, que teve início em 29 de março de 2017. “Mesmo não acreditando muito, eu fui, prestei queixa, e para a minha surpresa, meses depois, o celular foi recuperado”, comemora.

A dona de casa Maria da Guia de Souza e a filha, a vendedora Galba Jane Ramos, também tiveram o celular recuperado após um roubo dentro da própria casa. “Entraram de uma da manhã e levaram o meu celular e o da minha filha”, diz Maria da Guia.

Segundo Galba, os aparelhos foram recuperados dois dias após a ocorrência. “Prestei a queixa numa quarta-feira e, na sexta, já obtive o resultado, que tinham pego os celulares de volta e prendido o ladrão”, afirma.



Polícia incentiva cadastro de celulares
Apesar da recuperação de mais de 1,3 mil celulares, 500 aparelhos não foram entregues aos donos por falta de identificação. “Nós vamos ter mais trabalho para localizar e identificar a vítima do que se eles [os celulares] estivessem cadastrados no Alerta Celular. Esse trabalho envolve toda uma checagem junto às operadoras para que nós possamos identificar o proprietário”, alega o delegado Humberto Ramos.

Ainda de acordo com o governo de Pernambuco, o programa estaria inibindo o roubo e a compra de celulares roubados. “Nesses dois primeiros meses de 2018, teve uma diminuição de 30% do número de assaltos em relação ao mesmo período de 2017”, assegura o secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua.
“Quem recebe ou negociou esse celular, mesmo de boa fé, vai responder por receptação, então não é interessante”, observa o major Luiz Cláudio Brito, assessor de comunicação da Polícia Militar de Pernambuco.

Como fazer
Para fazer o cadastramento, é preciso entrar no site da Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE) e acessar a ferramenta Alerta Celular, no painel 'Destaque', no lado direito da página. No cadastro, a pessoa precisa informar o Identificador Internacional de Dispositivo Móvel (IMEI). É uma série de códigos numéricos que todo aparelho possui com registro na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Esse número se obtém com uma consulta à nota fiscal ou à caixa do aparelho. Além disso, é facilmente encontrado usando o teclado do próprio celular: basta digitar *#06#, que o código aparecerá na tela (uma série de 15 dígitos).

ALERTA CELULAR

Cadastramento:

Como fazer:

1°Passo:

a) Vá no seu dispositivo 📱 como se fosse fazer uma ligação, 📞 digite: *#06#, irá aparecer automaticamente no visor o número IMEI, seria importante você fazer o print e enviar para seu e-mail;

b) Clique em configurações, e  anote o modelo e número do aparelho (faça um print e encaminhe para seu e-mail), caso você não saiba o seu e-mail, escreva em um papel, geralmente todo aparelho celular possui um e-mail cadastrado. 
c) Dirija-se a página do google e digite Alerta Celular, clique no link da página do Alerta Celular,
d) Clique em Cadastrar,
e) Digite seus dados pessoais ( Nome da mãe e pai, RG - Órgão expedidor, estado, CPF)
 e um número de um contato, clique em inserir e salvar. 
Pronto você já está cadastrado no site do Alerta Celular.

2° Passo:

a) Acesse seu e-mail: Caixa de entrada ou spam.
b) Procure um link com o nome Alerta Celular.
c) Criar Nova Senha.
d) Volte a página do Alerta Celular, digite seu e-mail cadastrado e senha.
e) Cadastrar os dados do seu celular (Marca, modelo, número de série, operadora, número do celular e IMEI, inserir e salvar.
Em caso de furto/roubo/extravio. 
Acesse o site do Alerta Celular, com seu e-mail e senha cadastrados, logo aparecerá os dados do seu dispositivo, ao lado tem uma imagem de  triângulo com uma exclamação, o qual ao ser clicado, aparecerá uma página, clique em: Ciente, Alertar.
Dirija-se a delegacia de polícia mais próxima, com o sequencial do *IMEI.

Subtenente Luiz França 1ª CIPM Belem do São Francisco-PE


QUE SE CUMPRA EM TODO BRASIL-JUSTIÇA DETERMINA QUE EMBASA COBRE DOS CONSUMIDORES APENAS PELO VALOR CONSUMIDO NAS CONTAS DE ÁGUA


A pedido do Ministério Público estadual, a Justiça determinou que a Embasa cobre nas contas de água apenas pelo valor consumido e, no caso daqueles que pagam a tarifa mínima, que a cobrança seja feita pelos dias em que foi fornecida a água.

Segundo a promotora de Justiça Ana Paula Limoeiro, autora da ação civil pública contra a Embasa, o MP constatou que efetivamente estava ocorrendo a descontinuidade do serviço essencial à população em Salvador, Região Metropolitana e alguns locais do interior, sem que a mesma fosse notificada com antecedência.

Resultado de imagem para conta de agua embasa

“Além disso, constatamos que a cobrança integral do valor da água ocorria mesmo quando não havia prestação do serviço e a pressão da água não estava dentro dos valores estabelecidos pela Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia”, afirmou a promotora de Justiça.
Na decisão, a juíza Ana Cláudia Silva Mesquita, determinou ainda que, em caso de falta de água por período superior a 24h, a Embasa promova o abastecimento através de carro pipa para as localidades atingidas e informe, através de rádio, televisão e jornal, aos consumidores sobre a data em que se dará a suspensão ou interrupção do fornecimento da água, indicando ainda quanto tempo será necessário para o reparo técnico.


“Observa-se que falta um planejamento rigoroso quanto a manutenção da estrutura necessária para a distribuição da água de modo contínuo aos consumidores, com uma programação de longo prazo das intervenções que podem vir a demandar a interrupção do serviço dentro de um parâmetro mínimo estritamente necessário”, destacou a promotora de Justiça.

PA4.com.br

sexta-feira, março 23, 2018

HOMEM BOMBA DO PSBD É PRESO.


Resultado de imagem para policia prende paulo preto psdb

Em um debate no segundo turno das eleições de 2010, Dilma perguntou para José Serra sobre Paulo Souza Vieira. A candidata se referia ao homem conhecido pela cúpula do tucanato paulista como Paulo Preto, um importante diretor da Dersa durante sua gestão no governo de São Paulo. O tucano se fez de sonso e se esquivou, mas foi obrigado a comentar o assunto no dia seguinte: “Não sei quem é o Paulo Preto. Nunca ouvi falar. Ele foi um factoide criado para que vocês (jornalistas) fiquem perguntando.”

A amnésia do candidato não foi perdoada e Paulo Preto mandou um recadinho que entraria para o folclore da política nacional:  “Serra me conhece muito bem. Até por uma questão de satisfação ao país, ele tem que responder. Não se larga um líder ferido na estrada a troco de nada. Não cometam este erro”. Logo após a ameaça, Serra fez um esforço mental e imediatamente lembrou desse aliado querido: “Evidente que eu sabia do trabalho do Paulo Souza, que é considerado uma pessoa muito competente e ganhou até o prêmio de Engenheiro do Ano*. A acusação contra ele é injusta. Ele é totalmente inocente”.

Esta semana, o nome de Paulo Preto voltou à tona depois de passar um bom tempo nos canfundós do noticiário. Mas não foi graças ao trabalho do Ministério Público paulista ou à Lava Jato, mas ao Ministério Público suíço que, de forma espontânea, revelou às autoridades paulistas que o engenheiro ligado aos tucanos escondia R$113 milhões em contas de uma offshore. A informação preenche a última lacuna no rastreamento dos pagamentos de propinas para agentes públicos e políticos do PSDB.

Resultado de imagem para policia prende paulo preto psdb

Durante o governo Alckmin, Paulo Preto foi o comandante de um grupo que coordenou investimentos rodoviários no estado. Depois, sob o governo Serra, foi promovido à diretoria de engenharia da Dersa, órgão estatal responsável pelas obras viárias. O engenheiro administrava algumas das maiores obras do país, com contratos que somavam R$ 6,5 bilhões. Esse era o peso de Paulo Preto dentro das gestões tucanas em São Paulo. 

No ano passado, delatores da Odebrecht acusaram o engenheiro de ser o operador das propinas do PSDB no escândalo do “Trensalão”. Era ele quem pedia e recebia os recursos em nome do partido e organizava os cartéis das empreiteiras tanto no metrô quanto nas obras viárias. Paulo Preto foi citado também no caso Cachoeira como sendo o homem de ligação entre PSDB e a empreiteira Delta. O dinheiro encontrado no exterior é a peça que faltava no quebra-cabeça. Paulo Preto era o tesoureiro informal do partido e, ao mesmo tempo, um diretor importante de uma estatal responsável por obras bilionárias.

Apesar do fingido lapso de memória, Serra conhecia muito bem Paulo Preto. Conhecia tanto que trouxe a família do engenheiro para dentro do Palácio dos Bandeirantes. Logo no seu primeiro mês de governo, em 2007, por meio de um decreto, contratou a filha do engenheiro para trabalhar como assistente técnica de gabinete. Ela também já havia prestado serviços para a prefeitura quando Serra era prefeito.

Mas não parou por aí. A incestuosidade dentro do  governo se estendeu à mãe e ao genro de Paulo Preto. Os dois abriram uma empresa em 2003 que prestaria serviços para empreiteiras nas obras do Rodoanel, tocadas pelo engenheiro. Além disso, uma das filhas de Paulo Preto trabalhou como advogada das empreiteiras contratadas para construir o Rodoanel. Perceba a desenvoltura com que o polivalente operador se deslocava por todas as posições. O cara batia escanteio e corria para a área para cabecear.

Mas o tucano mais próximo de Paulo Preto é o atual ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, com quem tem uma relação de unha e carne. Por indicação de Aloysio, Paulo Preto trabalhou durante todo o segundo mandato de FHC como assessor especial da Presidência. Quando o engenheiro foi preso em flagrante por negociar ilegalmente um bracelete de brilhantes em uma loja do Shopping Iguatemi, Aloysio não largou o companheiro ferido na estrada e ligou pressionando a delegada do caso para não prendê-lo. Uma das filhas de Paulo Preto chegou a fazer um empréstimo de R$ 300 mil para o senador quitar seu apartamento em Higienópolis. Era esse o nível de amizade entre os dois.

As empreiteiras investigadas no âmbito da Lava Jato também fizeram parte do esquema de Paulo Preto que abastecia as campanhas eleitorais do PSDB. Depois de anos fazendo um pente fino no Rio, no Distrito Federal e no Paraná, já está mais do que na hora da Lava Jato fazê-lo no estado mais rico do país. Antes tarde do que nunca. Como bem afirmou o procurador da operação, Carlos Fernando Lima, a operação não se resume apenas à corrupção na Petrobras.

É interessante notar também a lentidão com que o Ministério Público paulista (relembremos a simbiose com os governos tucanos) e os tribunais lidam com esse caso. Ele já é de conhecimento público há pelo menos 8 anos e as investigações pouco evoluíram. A lerdeza das autoridades nos remete ao mensalão tucano que, uma década depois de denunciado, quase metade dos acusados ainda não foi julgada e outros já se beneficiaram da prescrição.

Os jornalistas Rubens Valente e Reynaldo Turollo Jr mostraram esta semana na Folha que o inquérito desse caso  é “marcado por lacunas e procedimentos que fogem à rotina de uma apuração do gênero”. A PGR, por exemplo, ficou sabendo da existência das contas na Suíça desde agosto do ano passado, mas não informou à Polícia Federal, que só soube delas pela imprensa.

Para piorar o quadro, o relator da investigação sobre Serra, Aloysio e Paulo Preto no STF é ninguém mais, ninguém menos que Gilmar Mendes – aquele amigo que já abriu as portas do seu palacete para oferecer um jantar de aniversário para Serra. O fim dessa história não é difícil de prever.

A grande mídia também não demonstra a mesma volúpia de outros casos de corrupção. Apesar de boas reportagens sobre o caso terem sido publicadas, ainda faltam as manchetes de capa, o exército de colunistas indignados entrando em ação, uma longa reportagem no Jornal Nacional e outdoors da VEJA com a imagem dos tucanos espalhados pela cidade. Vocês conhecem bem o combo que inflama e leva milhares para a Paulista atrás de um pato inflável.

A grana encontrada no exterior pelos suíços tem altíssimo potencial destruidor para os caciques tucanos. É provável que o batom na cueca empurre o ex-operador tucano para uma delação premiada. E, segundo o próprio Paulo Preto, “tudo o que acontecia no Dersa era de conhecimento do Serra e do Aloysio”.


Alckmin, o provável candidato do PSDB para as eleições desse ano, também pode ser encostado contra a parede, já que manteve Paulo Preto em cargo importante no período em que o engenheiro cometeu boa parte das suas estripulias. Passada quase uma década da denúncia, é inacreditável que Paulo Preto ainda não tenha sofrido pelo menos uma condução coercitiva. Será que operador tucano tem foro privilegiado e a gente não sabe?

Rede Brasil atual

quarta-feira, março 21, 2018

POLEMICA! MÉDICOS ALERTAM: “LEVANTAR CEDO E IR LOGO CORRER É CAMINHO CERTO PARA UM ENFARTE”


O maior risco à qualidade do sono “é a falta de respeito que há” por ele em Portugal, alerta a Associação Portuguesa do Sono, considerando que é necessário combater “uma cultura enraizada” na população de dormir pouco e sem regra.

“O maior risco é a falta de respeito que se tem pelo sono. Em Portugal, ainda não se valoriza o sono como algo essencial para o nosso bem-estar e a nossa saúde”, disse à agência Lusa o presidente da associação, Joaquim Moita, que alerta para a prevalência na população portuguesa de doenças como a síndrome de apneia obstrutiva (49% dos homens e 25% das mulheres têm ou virão a ter) e a insónia crónica (10% dos adultos).


Joaquim Moita sublinha que sem qualidade de sono podem surgir vários outros problemas, nomeadamente cardíacos – “em cada dez AVC, três ou quatro são em indivíduos com apneia do sono”.

“Achamos que trabalhar é mais importante que dormir. Mas depois qual vai ser a rentabilidade no trabalho? O que é que se produziu do ponto de vista físico e intelectual? Se não dorme oito horas, a rentabilidade é mais baixa, e as empresas regem-se cada vez mais pela rentabilidade do que pelo número de horas”, frisou.

Hoje, Dia Mundial do Sono, o especialista apela a que os portugueses sigam o exemplo do futebolista Cristiano Ronaldo, a quem “ninguém tira as suas oito ou nove horas de sono por dia”.

Além disso, o presidente da Associação Portuguesa do Sono salienta que é necessário não ir atrás de “manias e modas”, que vão surgindo, como “o disparate de levantar cedíssimo e ir logo correr – é caminho andado para um enfarte”.

Na sociedade moderna e industrializada, onde já são poucas as pessoas que se deitam quando o sol se põe e se levantam com o nascer do sol, há também hábitos e situações laborais que potenciam uma má qualidade do sono, notou.

Normalmente, o ritmo endógeno do humano diz que “às 06:00 está na altura de se preparar para acordar”, produzindo cortisol (hormona associada à atividade e movimento), sendo que perto das 21:00, com a escuridão, começa a ser libertada melatonina (associada ao sono), que atinge o seu pico por volta das 00:00, explanou.

Face a esse processo, o sol acaba por ser um “marcador do tempo”, que ajuda a fazer a sincronização entre o ambiente e o ritmo interno de cada um.

O hábito de estar à frente de computadores, ‘smartphones’ e televisões à noite acaba por inibir a libertação da melatonina, face à emissão de luz azul pelos aparelhos, sublinha Joaquim Moita.

O trabalho por turnos noturnos também pode ter consequências, especialmente se for mais de oito horas por dia e durante mais de duas semanas e horários de trabalho muito flexíveis – situação que se verifica muito entre profissionais liberais – também pode resultar em implicações para a saúde, frisou.

Segundo o coordenador do Centro de Medicina do Sono do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, há que seguir o bom senso: sete a nove horas de sono, deitar-se sempre à mesma hora e procurar logo o sol (devido à produção de cortisol) e acordar sempre à mesma hora (ao fim de semana pode ter-se “um desconto de uma hora”, refere).

“Há uma hora para descansar e uma hora para estar acordado, mas as sociedades modernas não respeitam muito esses nossos relógios e ritmos. É preciso combater essa desregulação”, frisou.


Fonte: cmjornal

QUASE TODO NORDESTE FICA SEM ENERGIA

Resultado de imagem para SEM ENERGIA

Ao menos 10 estados do Norte e do Nordeste país enfrentam queda de energia nesta quarta-feira (21): Ceará, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Amapá, Rio Grande do Norte, Pará, Maranhão, Bahia e Tocantins.
No Rio Grande do Norte, todos os 167 munícipios foram afetados, segundo a companhia de energia local.
As causas ainda estão sendo apuradas. O Operador Nacional do Sistema (ONS) ainda não se manifestou.
(Em breve mais informações

G1

sexta-feira, março 09, 2018

COZINHAR COM BANHA DE PORCO É MAIS SAUDÁVEL DO QUE COM ÓLEO.

banha preparacao comida 0118 400x800

Antes do surgimento e popularização dos óleos de girassol, canola e outros no mercado, a banha de porco era o ingrediente mais usado no preparo de pratos. O alimento, no entanto, ganhou fama de vilão por, supostamente, elevar os níveis de colesterol, aumentar os riscos de infarto e fazer mal ao coração.

Agora, assim como o ovo, a banha de porco deixou de ser considerada inimiga da saúde e é indicada por grande parte da comunidade médica como uma opção saudável para ser utilizada na culinária.
De acordo com Dr. Flávio Madruga, nutrólogo e especialista em medicina esportiva, os inúmeros benefícios da banha de porco fazem com que a gordura animal seja muito mais saudável do que os óleos vegetais refinados.
Assim como a manteiga, o azeite e o óleo de coco, a banha de porco é rica em graxos monoinsaturados, ou seja, é mais estável ao ser submetida ao calor, sendo mais difícil de sofrer oxidação.

banha de porco

Os óleos vegetais refinados que são poli-insaturados, por outro lado, oxidam facilmente quando aquecido e liberam substâncias extremamente tóxicas e inflamatórias, explica o médico.

banha gordura animal 0118 400x800

Benefícios da banha de porco para a saúde.

Quanto mais se estuda sobre a gordura animal, mais se confirma que nossos avós é que estavam certos quando cozinhavam com a banha de porco. Ela é livre de gorduras trans e açúcares, possui baixo teor de sódio, é rica em vitaminas B, C, D, cálcio, além de minerais como fósforo e ferro.


O nutrólogo afirma que a banha de porco tem uma composição equilibrada entre gorduras saturadas (40%) e gordura monoinsaturada (45%) e ainda ajuda a prevenir as doenças cardiovasculares, elevando o nível de HDL (o chamado colesterol "bom") e diminuindo o de LDL (o colesterol "ruim").


Além disso, a banha de porco, se comparada aos óleos de girassol e canola, por exemplo, é mais barata. Por não possuir nem sabor e nem cheiro, a gordura pode ser utilizada em qualquer tipo de preparação sem alterar o gosto da comida.